quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Feliz Natal! Este ano com gargalhadas de bebé para além da Estrelinha mais brilhante :D

“And it was always said of him, that he knew how to keep Christmas well, if any man alive possessed the knowledge. May that be truly said of us, and all of us! And so, as Tiny Tim observed, God bless Us, Every One!”



[Com quote de um dos meus livros de Natal preferidos, e imagem da uma das mil e uma adaptações - mas esta era a que eu via em criança... Boas Festas, darlingz!]

domingo, 20 de dezembro de 2015

Obrigada!

Muito obrigada em quem votou em nós para passar à fase seguinte d'O Casamento Mais Doce. Não seguimos caminho, pois instalou-se uma enorme confusão, com aumentos desenfreados (e fraudulentos) de votos em diversos vídeos, e os casais a concurso foram acusados dessa mesma fraude (à qual nós e aparentemente vários dos outros casais somos totalmente alheios). Não foi bonito ler um post a chamar-nos "trafulhas", mas enfim...

Pensei que o pior que podia acontecer ao participar, era não ganhar nada, e manter a minha vida exactamente igual ao que era antes...Afinal não tinha nada a perder, certo? Aparentemente não...

Mas há que seguir em frente e nunca esquecer: NÃO VOLTAR A PARTICIPAR EM PASSATEMPOS. Nunca o tinha feito e arrependi-me desta primeira vez!

Beijinhos e mais uma vez obrigada!

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

O casamento mais doce

Pois parece que A Pipoca Mais Doce entrou no espírito natalício, e decidiu oferecer uma festa de casamento grandiosa a um casal. Era apenas necessário fazer um vídeo a contar uma LINDAAA história de amor (no máximo com 1 minuto) e esperar que ela escolhesse os 10 melhores.

Não foram 10, acabou por nos presentear com 12 escolhas, e a nossa história de amor foi uma das escolhidas :) Vocês já a sabem: Ana and André sitting in a treeeeee lalala, com a sua filhotinha Leonor, que os uniu ainda mais nos seus 6 dias de vida, e de forma inexplicável depois de partir...e o seu Leonardo, o bebé arco-íris que agora é uma prova viva de AMOR :D

Ora para seguirmos em frente precisávamos de votos no nosso vídeo... Começámos bem lançados, mas já não estamos no top 3, e as nossas hipóteses estão cada vez mais baixinhas. Mas se quiserem espreitar (e votar...vá láááá *olhos de Gato das Botas*) no nosso vídeo, podem fazê-lo AQUI. (Spoiler alert: o nome do protagonista começa por Leo e acaba em Nardo :P)

Podem ver todos os vídeos seleccionados AQUI.

[PS: Há histórias de amor lindas entre as seleccionadas, e acho que seja quem for o sortudo vencedor, será justo:) Mas não posso deixar de falar no meu segundo (pois claro!) vídeo preferido... É o da Inês Mendes, é super fofinho e podem vê-lo AQUI.

Boa sorte a todos nós! :)

sexta-feira, 6 de novembro de 2015

"Memories" [do Facebook]

Há muitas coisas no Facebook que irritam. Na verdade, por vezes o Facebook, só por si, irrita. E geralmente não me dou bem com as novas funcionalidades (mas eu no fundo sou uma mal-humorada com coisas da tecnologia). Mas aquela coisa das "Memories", que se calhar já não é nova para o mundo mas é recente para o meu olho, tem vindo a ganhar a minha atenção...assim aos bocadinhos!

Comecei por revirar levemente os olhos (não que as memórias que partilham sejam aborrecidas, nada disso! Eram apenas MUITAS as que me chegavam à timeline), passei a comentar (e a fazer figura de ursa algumas vezes, pois nem sempre percebia que eram memórias e punha-me a escrever como se de actualidade se tratasse) até que, de mansinho, passei a clicar nas minhas próprias memórias. As que o Facebook selecciona para mim diariamente, pelo menos...

E na minha eterna parvoíce tecnológica (lá está) ainda não percebi onde se clica para ver directamente as minhas... então nos momentos de preguiça, lá me ponho a procurar memórias de amigos meus, porque por baixo lá encontro sempre um botãozinho mágico que diz "See Your Memories"...

Nestes dias tenho apanhado memórias já da gravidez do Leonardo, do pré-Leonardo e pós-Nô, do pré-Nô, e... bem, tudo o que se passou pelo meio (estes são agora os meus marcos principais). Num momento lamechas podia também referir um pré e pós-André, mas na verdade ele é pré-Facebook, por isso não conta :P

Memórias, memórias...pareço uma velhota a falar, certo?

[tenho a mania do futureme.org, o senhor Zucker Coiseeee deve ter descoberto...com certeza foi isso! :)]

quarta-feira, 4 de novembro de 2015

e hoje lembrei-me...

...que este blog existe.

Ou existia!

Eu sei lá...

[E agora que há tantas coisas novas e bonitas para contar é que eu me baldo a partilhar por aqui... Em resumo: Leonardo <3 p="">

sábado, 20 de junho de 2015

2 anos de Leonor, 8 dias de Leonardo

Há 2 anos, nesta madrugada de dia 20, nasceu a minha princesa. Há 2 anos nasciam sonhos, alegrias e esperanças que nao se viriam a concretizar. Mas nasceram outros que nao esperavamos. Era para ser também hoje que o Leonardo ia nascer, mas ele quis o seu próprio dia. Por isso, nesta madrugada de aniversário da Nô, celebro também os primeiros 8 dias de vida do seu irmão. E não posso deixar de me sentir sortuda por ter 2 filhos tão lindos! E quando me perguntam com quem é parecido o Leonardo, não tenho qualquer dúvida de que é a cara da mana.

Parabéns, princesa! Um beijinho enorme a seguir para onde estiveres.


quarta-feira, 13 de maio de 2015

Não sei escrever com o "novo" acordo ortográfico...

... e agora?

[vou-me transformar naquelas pessoas que vão tentar ajudar o filho a escrever, e ele depois diz "mamã, isto não é assim!" e eu digo "ah, pois...era assim no meu tempo"... ai...!]

terça-feira, 12 de maio de 2015

O Sorriso da Rita :)

A Rita... Conheci a Rita há algum tempo, muito antes dela me conhecer a mim. E desde logo nos senti próximas, amigas, ainda que uma amizade unilateral (pois ela não me conhecia). As suas palavras escritas para o mundo sempre tocaram o meu coração, e no dia em que resolvi partilhar com ela a minha estima, recebi de volta palavras lindas só para mim. Foi uma enorme honra uma celebridade com tantos seguidores como ela, a dedicar uns minutos a escrever-me de volta!

A Rita... é uma menina-mulher linda, com um sorriso enorme capaz de alegrar os dias cinzentos, um riso melódico que transpira a sua felicidade, uns olhos grandes e expressivos, e um cabelo comprido e sedoso, que um dia destes hei-de entrançar (adoro fazer tranças, sabias? :)). Os atributos "por fora" são muitos, mas é por dentro que a Rita encanta e se destaca. Porque apesar de especiais, os sorrisos, olhos, risos e cabelos, muitas pessoas têm bonitos e notáveis. Agora o que está dentro, é mais raro de encontrar... e a Rita "por dentro" torna-se quase inexplicável. A sua sensibilidade para apreender o mundo, a sua força, a sua entrega, a sua solidariedade, o seu amor perante os que a rodeiam, o seu SORRISO. Sim, porque ela também sorri por dentro. Sorri por todos os poros e contagia todos à sua volta.

A Rita também tem paralisia cerebral. É um pormenor que não a abranda, mas que com certeza contribuiu para quem é hoje. Podia ter contribuído de forma negativa, se se entregasse a esse obstáculo (que pode ser grande ou pequeno, dependendo sempre de quem o vive). Mas essa malvada não devia saber com quem se estava a "meter" quando chegou à Rita... Porque ela não esmoreceu, e vence todos os dias. E ensina-me tanto!

Mil e um projectos de valor por que dá a cara e apoia, imensos convites para divulgar as suas ideias, publicações em jornais e revistas... E é sempre um orgulho acompanhar tudo isso e pensar para mim "Que orgulho na minha Rita!" :)

Gosto de pessoas que não perdem o seu sorriso, mesmo com as contrariedades do Destino. Gosto de aprender com elas, de me inspirar. E a Rita é isso mesmo: uma inspiração. Para quem ainda não espreitou os seus textos, fica aqui a sugestão: https://www.facebook.com/AosOlhosDaRita . Passem por lá e deliciem-se :)

Por isso, para TI, Rita: obrigada, minha linda, por fazeres parte da minha vida e me deixares fazer parte da tua. É uma honra!

Um beijinho e um sorriso :)



domingo, 3 de maio de 2015

Feliz Dia da Mãe


Sou uma mãe babada de 2 filhotes :) Um no céu, outro na barriga. Gosto muito de vocês, pequeninos!

E um beijinho especial também para a minha mãe, neste dia lindo, que nem com a chuva perde a sua magia.

Beijinhos a todas as mães desse lado *

sábado, 11 de abril de 2015

#Tiago

     Conheci a história do Tiago e seus pais via Facebook, mas com sinceridade não me lembro de muitos pormenores do dia, ou do momento. Lembro-me sim de ficar encantada com o sorriso lindo daquele menino que via nas fotos, e que segundo lia, tinha tantas sequelas da prematuridade com que nasceu. “Não vai andar, não vai reconhecer ninguém, vai ficar equiparado a um vegetal” – diziam os médicos. Os pais sempre se prontificaram a mostrar toda a história do Tiago, com relatórios médicos, facturas das despesas, e todo o portfolio do que tem vindo a ser feito, desde início. A paixão, honestidade e sinceridade dos papás impressionou-me desde logo. 

     Do dia em que pude, finalmente, dar uma beijoca gorda na bochecha do Tiago, já não esquecerei cada pormenor. Tenho cada momento na minha memória! O abraço à mãe Sandra e ao pai Ricardo, a primeira vez que pude ver o Tiago à minha frente, tocar a sua mão delicada e… vê-lo a comer um gelado enorme como se não houvesse amanhã! O Tiago é um comilão, e dessa fama nunca se safará perante mim :) As perguntas que fiz, a que os papás devem responder milhares de vezes, mas não deixam que o aborrecimento se apodere deles, e falam do seu filhote sempre com um brilho especial nos olhos… “Como era ele há algum tempo atrás? Mexia assim as mãozinhas em movimentos tão delicados?” –perguntava eu, curiosa e com vontade de saber mais sobre aquele menino fascinante que não me parecia nada “vegetal”… Mas parece que algum tempo antes, não muito, não praticava todas as “habilidades” que eu naquele momento via. 

     Desde esse dia, apesar de vários kms a separar-nos, senti-me inseparável do Tiago. Eu, e todos os familiares que estavam comigo naquele dia. O Tiago passou a ser parte da famíllia: um membro que acompanhávamos mais via FB, sms ou telemóvel, mas que cada vez que me deu o prazer de estar comigo fisicamente, me demonstrava cada vez mais evolução, mais vitórias, e mais frutos da coragem e perseverança. 

     O Tiago é um menino especial, porque os pais também o são. Ou os pais serão especiais porque o Tiago o é? Não sei bem, mas imagino que as pessoas especiais, lá na dimensão onde hipoteticamente se escolhe com quem passar a vida, se escolham umas às outras. E o Tiago não podia ter escolhido melhor, tenho a certeza! Sei que o Tiago vai vencer todos os obstáculos, como tem vindo a fazer a cada dia que passa. 

     A família Coelho é uma família-maravilha, um exemplo para quem olho nas alturas mais difíceis, e mesmo sem saberem, me dão força muitas vezes nas palavras que dirigem ao mundo (e nas que me dirigem especialmente a mim também). Há pessoas marcantes, e vocês são uma família linda de pessoas dessas. Obrigada por nos deixarem fazer parte da vossa vida. 

     Obrigada por nos brindarem com a vossa esperança. Obrigada por me inspirarem a escrever coisas TÃO lamechas, mas que são sentidas na sua plenitude, e não estou a colorir o texto apenas para ser postado na página do Tiago. Cada palavra é a mais pura das verdades. OBRIGADA!